Preencha seus dados e receba nossa newsletter

|

Olha o palavreado!

Falar palavrão é algo protegido pela liberdade de expressão? Como seria uma sociedade em que reclamações somente pudessem ser feitas de forma polida? Em decisão recente, o Tribunal de Justiça de São Paulo julgou caso que envolvia um ácido vídeo no YouTube – e esse foi o assunto do artigo de hoje do blog do InternetLab no Link Estadão.

Clique aqui para ler o artigo na íntegra.

Você conhece alguém que “já xingou muito no Twitter”? Boa ideia? E se, mesmo depois desse trabalho todo, esse desabafo fosse removido da internet a mando do Judiciário?