Preencha seus dados e receba nossa newsletter

Justiça do ES determina que rapaz “desminta relacionamento” na Internet

Na era dos boatos da Internet – ou das chamadas “notícias falsas” – nem mesmo relacionamentos passam ilesos. Recentemente, chegou à Justiça do Espírito Santo o caso de um homem que inventou (e publicou na Internet) um relacionamento com uma mulher. Na audiência de conciliação, ele ficou obrigado a publicar uma “retratação” em seus perfis nas redes sociais, desmentindo a invenção. Comentamos as diferentes questões que o caso suscita no nosso blog “Deu nos autos'”, do Link Estadão.

Clique aqui para ler o artigo na íntegra.